Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Comunicação Sala de Imprensa Notícias 2017 Agosto Criatividade e interação marcam primeiro dia de apresentações do Festival de Teatro
09/08/2017 - 12h41m

Criatividade e interação marcam primeiro dia de apresentações do Festival de Teatro

Apresentações das escolas estaduais ocorreram pela manhã e à tarde, no Teatro Linda Mascarenhas, e prosseguem nesta quarta (9)

Criatividade e interação marcam primeiro dia de apresentações do Festival de Teatro
Texto de Luana Santana

A criatividade e a interatividade marcaram o primeiro dia de apresentações do Festival de Teatro na segunda edição do Encontro Estudantil da Rede Estadual de Alagoas, que acontece até sexta-feira (11) no Cepa. O evento acontece na semana em que é celebrado o Dia do Estudante, comemorado em 11 de agosto.  

Nessa terça-feira (8), apresentaram-se os alunos das escolas estaduais Carlos Gomes de Barros (União dos Palmares), Nossa Senhora do Bom Conselho (Maceió), Rui Barbosa (Anadia), Ana Lins (São Miguel dos Campos) e Santos Ferraz (Taquarana) - campeã da edição 2016 do evento.

Jocianny Carvalho, professora de Teatro do Centro de Artes e Mediações Culturais da Secretaria de Estado da Educação (Camec/Seduc), chamou atenção para o aumento no número de inscritos em relação ao ano passado. "Este ano temos quatro escolas a mais que em 2016, e a maioria delas do interior. Estamos com a expectativa a mil. Os alunos estão trazendo temas bastante criativos mostrando Alagoas de uma forma como nunca se viu, transformando esse evento numa grande virada cultural", destacou Jocianny.

Interatividade

As encenações contaram com a participação especial do grupo de teatro da Escola Estadual Cyro Accioly, que apresentou peça “A lenda do boi Bumbá”. Na ocasião, os alunos que estavam na plateia foram convidados a participar da peça com os olhos vendados, incorporando os personagens da cômica temática da apresentação.

A monitora do grupo de teatro da Escola Estadual Cyro Accioli, Marluce Almeida, falou de sua satisfação em trabalhar com os deficientes visuais e da importância da participação no II Encontro Estudantil. "Trabalhar com deficientes visuais propicia uma troca de conhecimentos e experiências incríveis. Essa participação no Encontro Estudantil é muito importante para os nossos alunos, pois eles se sentem valorizados em fazer parte de um evento como esse", relatou a monitora.

José Wilson, aluno da Escola Estadual Santos Ferraz, de Taquarana, participou do teatro inclusivo e falou sobre essa experiência. "Esse foi meu primeiro contato com deficientes visuais numa apresentação de teatro. Uma experiência única e a oportunidade de se por no lugar do outro”, declara. Ele também relatou sobre a participação de sua escoa no Encontro Estudantil. “Esse ano, trouxemos uma peça elaborada especialmente para o evento que mostra a Cultura alagoana", disse o estudante.

Apresentações

Finalizando as apresentações de teatro, nesta quarta-feira (9), no período da manhã, é a vez das Escolas Estaduais Professora Edleuza Oliveira da Silva (São Miguel dos Campos), Graciliano Ramos - EEGR (Palmeira dos Índios), Maria de Lourdes Santos da Silva (Batalha), Comendador José da Silva Peixoto (Penedo). Já no período da tarde, as apresentações ficam por conta das Escolas Estaduais Rocha Cavalcante (União dos Palmares), Doutor Alcides de Andrade (Penedo) e Moreira e Silva (Maceió). Haverá ainda participação especial do grupo Ou Eu ou os Biscúis do Camec.

 
Ações do documento