Estado de Alagoas

Ir para o conteúdo. | Ir para a navegação

» Página Inicial Comunicação Sala de Imprensa Notícias 2016 Junho Secti e Seduc selam parceria para impulsionar iniciação científica na Educação Básica
23/06/2016 - 14h31m

Secti e Seduc selam parceria para impulsionar iniciação científica na Educação Básica

Intuito é valorizar e estimular os estudantes da educação básica e professores

Secti e Seduc selam parceria para impulsionar iniciação científica na Educação Básica

Parceria visa valorizar e estimular os estudantes da educação básica e professores para práticas de iniciação científica e disseminar iniciativas inovadoras

Texto de Geysa Miranda e Ana Paula Lins

A Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (Secti) e a Secretaria de Estado da Educação (Seduc) firmaram parceria durante reunião realizada na quarta-feira (22), com o propósito de valorizar e estimular os estudantes da educação básica e professores para as práticas de iniciação científica, além de disseminar iniciativas inovadoras.

A novidade para este ano é a realização de uma feira de ciências (Experiment-AL) que será promovida pela Secti como principal ação da Semana Nacional da Ciência e Tecnologia (SNCT) e que contemplará estudantes de escolas públicas e privadas. A feira pretende promover a interação com diversas redes de ensino do Estado, valorizando a formação científica de jovens nas escolas de educação básica, profissionalizante, graduação e pós-graduação de diferentes áreas do conhecimento, estimulando o interesse de futuros cientistas e professores e proporcionando aos alunos uma maior aproximação com o universo da pesquisa. A feira conta com o apoio da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Alagoas (Fapeal), além da Seduc.

Serão selecionados os 40 melhores projetos de estudantes da rede pública (estadual e municipal) e privada, com uma premiação para os primeiros lugares do ensino fundamental e médio.  O edital será lançado no próximo dia 13, no Museu da Imagem e do Som (Misa).

A Feira de Ciências de Alagoas (Feceal), já realizada pela Seduc todos os anos, será nos dias 23, 24 e 25 de novembro e servirá como seletiva para a Experiment-AL na categoria ensino médio junto às escolas da rede pública estadual, ou seja, os trabalhos que se destacarem na Feceal serão automaticamente inscritos na Experiment-AL, esta que acontece posteriormente.

Para o secretário da Ciência e Tecnologia, Pablo Viana, essa parceria é essencial, pois os trabalhos desenvolvidos em ambas as pastas se complementam. “Estamos unindo esforços com um único objetivo que é promover a ciência e a inovação no Estado de Alagoas. Isso é fundamental, pois nossas atividades são complementares”, disse Pablo.

 

A secretária executiva da Educação, Laura Souza, destaca a importância da parceria para impulsionar a divulgação da iniciação científica na Educação Básica. “Esta articulação entre as duas pastas é essencial para estimular o interesse do jovem pelo ensino e aprendizagem em ciências, pois quando investimos em ciência, investimos também no crescimento e desenvolvimento do Estado”, avalia Laura.

Outros projetos

Um outro projeto que poderá ser fruto dessa parceria é o Centro Interativo de Ciência, Tecnologia e Inovação, que consistirá em um espaço lúdico com o propósito de complementar as atividades desenvolvidas em sala de aula, sendo um ponto de encontro, não apenas para estudantes, mas também para pesquisadores.

Além disso, o Centro servirá como um espaço de exposição de projetos inovadores, reunindo aspectos do ponto de vista turístico, atraindo quem visita Alagoas para o que é desenvolvido no Estado.

 

Ações do documento